Rondônia PDF Imprimir E-mail




Origem e Formação do nome

O Território Federal de Rondônia foi criado em 13 de setembro de 1943, com o nome de Guaporé, mudado posteriormente para Rondônia, no dia 04 de Janeiro de 1982, p, em homenagem ao Marechal Cândido Mariano da Silva Rondon.

O Território Federal de Rondônia foi constituído por áreas desmembradas dos Estados do Amazonas e Mato Grosso.

 

História do Estado

Formado por terras anteriormente pertencentes aos Estados do Amazonas e Mato Grosso, o Estado de Rondônia foi originalmente criado como Território do Guaporé em 1943.

A denominação atual foi dada em 17 de fevereiro de 1956, em homenagem ao Marechal Rondon, desbravador dos sertões de Mato Grosso e da Amazônia em 17 de fevereiro de 1956. Em 1981, o Território de Rondônia passou a Estado da Federação.

Até o século XVII apenas algumas missões religiosas haviam chegado até a região onde hoje se encontra o Estado de Rondônia. No início do século XVIII os portugueses, partindo de Belém, subiram o rio Madeira até o rio Guaporé e chegaram ao arraial de Bom Jesus, antigo nome da localidade de Cuiabá, onde encontraram ouro.

Começaram então a aparecer explorações de bandeirantes pelo vale do rio Guaporé em busca das riquezas minerais da nova área descoberta. Pelo Tratado de Tordesilhas toda essa região pertencia à Espanha. Com a penetração das Bandeiras e o mapeamento dos rios Madeira, Guaporé e Mamoré, no período de 1722 a 1747, houve uma redefinição dos limites entre Portugal e Espanha, realizada através dos Tratados de Madri e de Santo Ildefonso.

Portugal passou então a ter a posse definitiva da região e a defesa dos limites territoriais. As demarcações da área ocorreram a partir de 1781.O povoamento da região teve início no século XIX, na fase do ciclo da borracha, com a construção da ferrovia Madeira-Mamoré e a exploração dos seringais existentes.

Fonte: www.mre.gov.br

 

Dados Demográficos

Capital: Porto Velho

Região: Norte

População: 1.534.594 (estimativa 2005)

Área: km2

Densidade demográfica: 5,8 habitantes por km2

Número de municípios: 52

Vegetação: floresta amazônica e cerrado a oeste

Clima: equatorial

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 0,735 (2000)

Participação no PIB Nacional: 0,5% (2003)

 

Meio Ambiente

Seu elevado índice pluviométrico, de 1,8 mil milímetros por ano, facilita o desenvolvimento da agropecuária – Rondônia tem o 11º rebanho bovino brasileiro. Esse setor da economia, no entanto, é o maior responsável pelo crescimento da devastação do ecossistema.

Para conter o desflorestamento, é criado, em 2001, na fronteira com a Bolívia, o primeiro corredor ecológico binacional. Com o financiamento inicial do Banco Mundial, o corredor será formado por 23 milhões de hectares – quase o tamanho do estado de São Paulo.

Além de preservar sub-bacias hidrográficas da bacia Amazônica, o corredor deve proteger mais de 174 espécies de peixes e 27 de aves endêmicas. Com 1,7 mil quilômetros de extensão, o rio Madeira é o maior afluente da margem direita do rio Amazonas e corta a capital Porto Velho.


Almanaque Abril 2003

 

Culinária

A culinária de rondônia é baseada em peixes e frutos da floresta e não difere muito dos outros da região Norte, sendo também bastante influenciada pela culinária indígena.

Entre os pratos típicos que se destacam, temos: a caldeirada de tucunaré, salada de pirarucu, torta de pirarucu, bolo de macaxeira e doces cupuaçi e castanha-do-pará.

 
Quem somos | Termos de uso
Viajando pelo Brasil | Datas comemorativas | Sala dos professores

Copyright © 2018 - IBEP - Coleção Eu Gosto - Todos os direitos reservados Um produto Editora IBEP